Meditação

Meditação: o que é? Como aprender a meditar?

Vivemos em um ritmo frenético, onde as 24 horas do dia parecem insuficientes para que possamos desenvolver todas as tarefas e obrigações cotidianas. Esse ritmo acelerado e caótico pode trazer graves consequências, como o stress, a ansiedade e uma série de outros distúrbios.

Uma alternativa prática para se alcançar o equilíbrio necessário em nosso dia a dia é a prática da meditação. Ela vem sendo usada há milênios pelos povos orientais, e cada vez ganha mais adeptos no ocidente, por conta de seus inúmeros benefícios.

Mas o que é a meditação?

Muitas pessoas imaginam que a meditação é algo quase inalcançável. Muitos mitos cercam a meditação, que nada mais é do que um estado de concentração profunda, onde os pensamentos deixam de povoar nossas cabeças.

Esse estado não acontece por acaso, ele é fruto de uma série de ações que levam ao estado meditativo. No começo pode parecer difícil meditar, mas com um pouco de disciplina e prática essa antiga forma terapêutica pode ser alcançada por qualquer pessoa.

E como aprender a meditar

meditar

Cada indivíduo tem uma capacidade inata de concentração. Para melhorá-la e atingir o estado de meditação, alguns passos são importantes. Vejamos:

  • Busque uma posição confortável – para meditar é preciso que o corpo esteja em harmonia, por isso, uma posição confortável é importante. Em geral, quem pratica a meditação prefere estar sentado, seja no chão, em uma cadeira ou até mesmo uma almofada.
  • Respire profundamente – a base da meditação é a respiração, e infelizmente, a maioria das pessoas respira muito mal. Então, reaprenda a respirar, inspirando o ar pelo nariz e soltando pela boca, de forma ritmada e contínua.
  • Esteja silencioso – além de estar quieto, sem barulhos externos, é preciso aprender a dominar a mente e o corpo. Concentre-se na entrada e na saída do ar dos seus pulmões.
  • Relaxe – aprender a relaxar é muito difícil, mas é possível se usa a técnica correta. Relaxe cada parte do seu corpo separadamente, começando pelas extremidades, e deixe que a sensação de relaxamento domine todo o seu corpo.
  • Acalme a mente – nosso fluxo de pensamentos é incessante, e meditar não significa livrar-se deles, e sim, não permitir que eles sejam o foco. Deixe os pensamentos passarem sem se debruçar sobre cada um deles. Mantenha o foco na respiração.

Esses são os passos básicos para aprender a meditar. Faça isso alguns minutos por dia, e a cada nova tentativa, você sentirá o quanto está evoluindo e o quanto isso é benéfico.